Menu

Destaques Câmara Municipal: Estimativa impactante de dependentes químicos na cidade é colocada durante Audiência

O dia 26 de junho foi designado pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o Dia Internacional contra o Abuso e Tráfico Ilícito de Drogas. Para mais conscientização da data o vereador Ivan Luiz (Patri) vem realizando várias ações. Uma delas foi uma Audiência Pública, na terça-feira (21), que tratou do tema.

Foto ilustrativa/Reprodução: InternetFoto ilustrativa/Reprodução: Internet

O prevencionista e pioneiro na política antidrogas em Sete Lagoas, ex-vereador Milton Saraiva foi quem falou sobre o tema. Saraiva apresentou um estudo realizado na última década que mostra o uso do crack e de bebida alcóolica como os primeiros da lista de substâncias mais usadas na cidade.

De acordo com o vereador Ivan Luiz, que trabalha na prevenção a mais de 30 anos, cerca de 14 mil pessoas, das cerca de 230 mil que vivem na cidade, sejam usuárias e dependentes químicas. O número assustador revela a necessidade de políticas públicas urgentes para barrar o uso de drogas.

Representando o município, o vice-prefeito Dr. Euro, entende que as conferências são importantes instrumentos para um diagnóstico da situação. “Nessas trocas de experiência é onde a gente aprende muito em pouco tempo. Que vocês olhem o que está sendo feito e levem para que possamos avaliar e buscar saídas”, pediu.

A retomada, em breve, dos trabalhos no Conselho Municipal de Políticas Antidrogas (COMAD) foi um dos avanços recentes no assunto. Ivan afirmou que a cidade tem aproximadamente R$ 1,6 milhão disponível pelo Governo Federal para investimento no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS). “Eu vou buscar esse recurso”, prometeu. Junior Sousa e Caio Valace (Podemos) reforçaram os debates e garantiram empenho nas ações.

Com Prefeitura de Sete Lagoas



Publicidade

Links patrocinados MGID