Menu

Bolsonaro garante que novo Bolsa Família terá pagamento mensal de R$ 400

Menos de 24 horas após recuar, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quarta-feira (20) que o Auxílio Brasil – substituto do Bolsa Família – terá pagamentos mensais de R$ 400.

Foto ilustrativa/Reprodução: InternetFoto ilustrativa/Reprodução: Internet

Ele, no entanto, ressaltou que não vai furar o teto de gastos, que limita os gastos da União à inflação do ano anterior. Ninguém do governo também explicou de onde virá o dinheiro.

"Ontem (terça-feira) nós decidimos, como está chegando ao fim o auxílio emergencial, dar uma majoração para o antigo programa Bolsa Família, agora chamado Auxilio Brasil, a 400 reais", declarou o presidente em Russas, no interior do Ceará, em evento do edital para construção do Ramal do Salgado, um canal do projeto de integração do rio São Francisco.

“Temos a responsabilidade de fazer com esses recursos do próprio orçamento da União. Ninguém vai furar teto. Ninguém vai fazer nenhuma estripulia no orçamento, mas seria extremamente injusto deixar cerca de 17 milhões de pessoas com valor do Bolsa Família”, completou Bolsonaro.

O governo havia marcado evento nesta terça-feira (19) para anunciar o novo programa, que deve abranger 17 milhões de pessoas, mas cancelou a divulgação em meio à reação negativa do mercado ao aumento das parcelas.

O governo aumentou a pressão sobre o ministro Paulo Guedes (Economia) e sua equipe, inclusive com ameaça de demissões de secretários da pasta. O Ministério da Economia negou risco de debandada.

Com O Tempo




Publicidade

Links patrocinados MGID