Menu

TJMG publica edital de concurso com 284 vagas de níveis médio e superior

O edital do concurso TJMG (Tribunal de Justiça de Minas Gerais) foi publicado ofertando 284 vagas imediatas, além de vagas para formação de cadastro reserva em cargos de níveis médio e superior!

Foto: Reprodução/InternetFoto: Reprodução/Internet

Em síntese, as principais informações são:

Banca: IBFC
Vagas: 284 + CR
Cargos: Oficial Judiciário e Analista Judiciário
Escolaridade: níveis médio e superior
Salários: de R$ 3.264,98 a R$ 5.113,09
Inscrições: de 30 de agosto a 29 de setembro
Taxa: de R$ 90,00 a R$ 100,00
Provas: 4 de dezembro
Edital aqui!

Confira, a seguir, as informações mais relevantes a respeito desta oportunidade:

Cargos edital TJMG
De acordo com o edital, serão ofertadas 284 vagas de níveis médio e superior de escolaridade. Os cargos disponibilizados serão os seguintes:

Oficial Judiciário – nível médio, nas especialidades:

Assistente Técnico de Controle Financeiro
Oficial de Justiça
Analista Judiciário – nível superior, nas especialidades:

Administrador
Analista de Tecnologia da Informação
Analista Judiciário
Assistente Social
Bibliotecário
Contador
Enfermeiro
Engenheiro Civil
Engenheiro Eletricista
Engenheiro Mecânico
Médico
Psicólogo
Revisor Judiciário

Salários

Em relação à remuneração, os novos aprovados no concurso TJMG farão jus aos seguintes salários iniciais:

R$ 3.264,98 para o cargo de Oficial Judiciário – Classe D
R$ 5.113,09 para o cargo de Analista Judiciário – Classe C

Vale ressaltar que a jornada de trabalho no órgão é de 6 horas diárias e 30 horas semanais.

Além da remuneração base, há, ainda, diversos benefícios, como:

Auxílio-saúde: varia de R$ 230,85 a R$ 346,27, conforme a idade
Auxílio-creche: R$ 885,30 (valor por filho até 7 anos de idade)
Auxílio-transporte: R$ 173,13
Vale lanche: R$ 1.197,27

Dessa forma, o salário inicial total pode chegar a R$ 5.751,53 para Oficiais e R$ 7.599,64 para Analistas, considerando o servidor com 1 filho de até 7 anos de idade.

É importante destacar que todos esses benefícios são pagos em dinheiro, juntamente com salário, no primeiro dia do mês.

Após determinado tempo de serviço, ainda é acrescido na remuneração o Adicional de Desempenho. Este benefício pode chegar a 70% do valor do vencimento básico e é medido através do tempo em atividade.

Requisitos

Para investidura no cargo, os candidatos deverão cumprir alguns requisitos básicos. São eles:

Ter obtido classificação no concurso, na forma estabelecida no Edital;
Ser brasileiro, nato ou naturalizado, ou português amparado pela reciprocidade de direitos advinda da legislação específica;
Ter, no mínimo, 18 (dezoito) anos de idade;
Estar em dia com as obrigações eleitorais;
Estar em dia com as obrigações militares, se do sexo masculino;
Achar-se em pleno gozo de seus direitos políticos e civis;
Ser moralmente idôneo e não registrar antecedentes criminais;
Ter boa saúde física e mental para o exercício das funções do cargo/especialidade para o qual se inscreveu;
Possuir a escolaridade/qualificação/experiência exigida(s) para o cargo/especialidade pretendido;
Apresentar a documentação exigida no Edital para a posse.

Além disso, existem os requisitos específicos para cada especialidade. Confira quais são:

Oficial Judiciário – Assistente Técnico de Controle Financeiro: conclusão de curso Técnico de Contabilidade, reconhecido por órgão governamental competente.

Oficial Judiciário – Oficial de Justiça: conclusão de curso de nível médio de escolaridade, reconhecido por órgão governamental competente.

Inscrições

Os candidatos interessados poderão realizar suas inscrições diretamente no site da banca organizadora, IBFC, no período de 10h do dia 30 de agosto de 2022 às 23h59min do dia 29 de setembro de 2022.

As taxas para se inscrever são de:

R$ 90,00 (noventa reais), para cargos de nível médio de escolaridade;
R$ 100,00 (cem reais), para cargos de nível superior de escolaridade.

Vale ressaltar que o candidato inscrito para um determinado cargo/especialidade/unidade, desde que a unidade seja uma das comarcas do Estado de Minas Gerais, concorrerá às vagas por cargo/especialidade/unidade e também concorrerá, em segundo plano, às vagas do mesmo cargo/especialidade nas demais unidades pertencentes à mesma região, de acordo com a divisão estabelecida no edital e, ainda, às vagas por cargo/especialidade/geral.

Provas

As provas objetivas serão realizadas na provável data de 04 de dezembro de 2022, nas cidades de Belo Horizonte, Betim, Contagem, Diamantina, Governador Valadares, Juiz de Fora, Montes Claros, Uberlândia e Varginha.

Tanto a objetiva de múltipla escolha quanto a discursiva, terão caráter eliminatório e classificatório. As provas terão 60 (sessenta) questões, cada uma com 5 (cinco) opções de resposta, das quais apenas uma delas será a alternativa correta.

A prova discursiva será aplicada somente para o cargo de Analista Judiciário e será realizada na mesma data, horário e local da prova objetiva de múltipla escolha.

Com Direção Concursos



Publicidade

Links patrocinados MGID