Menu

Laboratório São Francisco comemora 25 anos

  • Categoria: Cidades
  • A+ A A-
O Laboratório São Francisco nasceu de um projeto da médica especializada em patologia clínica e medicina laboratorial, Doutora Maria Clara Pontello Cristelli. Ainda atuando como professora assistente na Universidade Federal de Minas Gerais, ela teve a idéia de trazer um laboratório para Sete Lagoas, que visasse maior fornecimento de dados e que trabalhasse dentro do contexto clínico do paciente.   Em 1983, o São Francisco foi inaugurado a princípio com instalação na Rua Souza Viana, onde permaneceu por quatorze anos.

De acordo com o responsável pela administração do laboratório, José Batista Cristelli, o local ainda era muito modesto e a intenção era a de expandir aos poucos seu espaço. “Queríamos ampliar o laboratório, mas precisávamos ter cautela, para seguir com nossos planos futuros”, comenta José.   O São Francisco começou a atuar na cidade com um diferencial, que foi o de estreitar a relação paciente e médico.

Segundo a Doutora Maria Clara, essa questão foi importante para o laboratório, pois, acima de tudo, ela queria focar a atenção no tratamento do paciente. “A relação entre médico e paciente garante maior confiança para ambas as partes e esse critério é muito importante quando o assunto a ser tratado é saúde. Temos atuado sempre dentro da ética e da formação, assumindo todos os custos”, afirma a médica. Através dessa proximidade com os pacientes o São Francisco ganhou o seu lugar na cidade, respeitando os limites dos clientes e dos outros laboratórios atuantes em Sete Lagoas.

A partir de 1997, o São Francisco se estabeleceu no endereço atual, na Rua Zoroastro Passos. O laboratório já adquiriu o novo imóvel para construir um novo ponto de atendimento que vai ser voltado para recepção e coleta. A previsão é a de que o projeto saia do papel o mais rápido possível. Atualmente, o São Francisco realiza 400 tipos de exames de caráter bioquímico, urinário e de sorologia, dentre outros. Diariamente, são atendidas 250 pessoas da cidade e dos municípios vizinhos.

O São Francisco conta com o apoio de 27 funcionários, contando com a bioquímica Vanda Márcia Cassini França, com os auxiliares de enfermagem, técnicos em laboratório e as atendentes. Para atender os pacientes, o profissional passa por um treino, exigido pela ANVISA, respeitando o procedimento operacional padrão, informou a doutora Maria Clara. Ainda, todo mês o laboratório passa pelo controle de qualidade, realizado pelo Programa de Excelência para Laboratórios Médicos. A boa qualidade dos profissionais e dos trabalhos realizados no São Francisco são reconhecidos através dos certificados que a doutora Maria Clara exibe, confirmando o respeito  e o compromisso da equipe do São Francisco com seus pacientes.

O São Francisco ainda participa de diversos eventos sociais na cidade, além de apoiar os programas de estágio curricular de 180 horas, de nível técnico.   O São Francisco trabalha em conjunto do H. Pardini, de Belo Horizonte. Os exames de maior complexidade são transferidos para o outro laboratório e, dependendo do caso, a liberação ocorre até o prazo de dois dias. Ainda segundo a médica, cada exame deve proceder a uma norma padrão para ser transferido e analisado no H. Pardini e o resultado é sempre enviado pela internet.   O Laboratório São Francisco funciona de segunda a sexta-feira, das 6:30 às 18:00, e nos sábados, de 7:00 às 11:00 horas.
 
Mais informações: 3771- 4886
 
 
Da redação - Sete Dias
Paula Alves 

Publicidade

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Últimas Notícias - Cidade

Joyeix -  Entrou 31/10